Este Cá no Bairro foi publicado na primeira edição de Julho da Gazeta do Ciclista (ver aqui, subscrever aqui).

Uma pequena pedalada é suficiente para nos levar da Megastore do Palácio até às portas da CRU Cowork, onde a Tânia e o Miguel nos esperam de braços abertos. Amigos de primeira hora, são a alma de um  um espaço de colaboração com uma energia muito própria. Lembram-se da Rita, que passou pela Gazeta há uns meses atrás?

Para além dos espaços de trabalho, há salas de reunião e oficinas para alugar (incluindo uma de serigrafia e estúdio e laboratório de fotografia).

//

If you are a Velo Culture follower, you probably know that we love the neighbourhoods where we live in and like to share our favourite places with our readers.

For the first July edition (read here, subscribe here) we visited our friends Tânia and Miguel at CRU a co-work space with a very special energy. Do you remember Brompton Rita

At Cru you can find individual working spaces, meeting rooms, a screen printing workshop, photo studios and labs and a dark room.

Etiquetas:,

Esta Sibbo, a proposta mais estradeira da Pelago, chegou num destes dias ao MMM. A pedido do cliente foram feitas algumas alterações, como o espigão de selim Zipp, os pedais Egg Beater, o selim Brooks C13 e o porta-bidons também da Zipp.

Podes conhecer esta bicicleta com mais detalhe nesta página.

//

This is the Sibbo, the raciest you can get from the Finish builder Pelago. This bike had some improvements, such as the Zipp seatpost, Egg Beater pedals or the Brooks C13 saddle.

Etiquetas:, , , , , , , , ,

Temos disponível para venda esta beleza, uma Pelago Bristol bem estimada (quem conhece o Sr. T sabe que ele leva a sério o “estimar”). Está equipada com bastantes extras.

  • 3 mudanças internas (Shimano Nexus)
  • Travão traseiro contra pedal. Travão dianteiro no cubo.
  • Selim Brooks Cambium
  • Guarda corrente Velo Orange
  • Punhos Brooks Slender
  • Porta cargas traseiro em inox da Velo Orange

Para além dos 805€ da Bristol, os acessórios novos custariam mais 339€, o que dá um valor total de 1144€ para este conjunto se estivesse novo.

O que estamos a pedir? 550€ (sem porta-cargas frontal) ou 610€ (com porta-cargas frontal)

Podes conhecer outras oportunidades nesta página.//

//

We have available this used 3 speed Pelago Bristol. You can find more rides from our used and vintage stock here

Etiquetas:, , , , , ,

Viana do Castelo, 2013. Fujica Compact 35

A “Sete Coisas” é uma rúbrica da nossa Gazeta do Ciclista, onde são feitas algumas recomendações de leituras relacionadas com o nosso mundo, incluindo as bicicletas (das analógicas), urbanismo, consumo sustentável ou cultura. No dia em que lançamos uma nova edição (de duas em duas semanas, se querem saber), começamos a publicar no blogue alguns dos conteúdos da edição anterior. Por isso, vale a pena subscrever para leres tudo com duas semanas de avanço.

Vamos então à primeira lista publicada em Julho de 2017.

  • Voltar onde já se foi feliz. O editor da Gazeta pegou na WeMove pela primeira vez no Manifesto e percebeu logo que era a revista que gostava de um dia ter feito. Uma boa forma de a conhecer é ler a micro-aventura do Jules >>
  • Nostalgia dos 90’s. Casquette publicou uma galeria inédita do London-Brighton de 1995. Se temos dificuldade em saber quando acaba o ciclismo clássico e começa o moderno, temos mais ainda em saber quando acaba o cicloturismo clássico e começa o moderno. This is England 1995 >>
  • Encore. Para a malta do Cycle Exif os 90’s vão reinar de novo. Por cá, nós prometemos olhar com melhores olhos os quadros com proporções deselegantes que entram na oficina (tubos grossos com caixas de direcção de uma polegada, uhh).  Vejam lá esta Cannondale >>
  • Mais árvores, menos asfalto. No Portugal ultra-automobilizado ainda há quem discuta a importância das árvores nos corredores centrais das estradas. Em lugares em que vias que dividiram bairros e arrasaram cidades perderam a sua utilidade, pensa-se na renaturalização e na devolução do espaço às pessoas. City Lab >>
  • Nativas. Não vai longe a edição da Gazeta em que falámos deste pessoal, mas com o emergir no espaço mediático de uma certa espécie negacionista a defender o eucaliptal e a relativizar a sua responsabilidade na grande tragédia anual, fica aqui uma vez mais a recomendação. Ide, ide apoiar esta boa gente. 100 mil árvores >>
  • Ter tempo. O que a falta do dormir (e o lixo que nos metem à frente dos olhos e nos tira tempo de cama) nos faz. The Inquiry >>. A propósito: “A Internet foi desenhada para interromper. É uma máquina afinada para dispersar a atenção”. Addicted to Distraction >>
  • A fechar. Confessamos não ter adorado a visita pouco esclarecida da Monocle ao nosso bairro (ouvir aqui >>), mas, para compor a semana, a vinda do Bourdain a Matosinhos resultou numa coisa muito bonita de se ver. António Pedrosa para o Parts Unknown >>

Podes ler a primeira edição de Julho da Gazeta do Ciclista aqui e subscrever a Gazeta na caixa aqui em baixo.

__________

Vamos lá então subscrever a Gazeta:

Email *



//

Sorry folks, only Portuguese this time. Meanwhile, we are preparing a new newsletter in English. More about this soon.

Etiquetas:, , ,

Este tem sido um ano muito especial para este duende e por isso mesmo este foi um prémio mais que merecido. No dia dos seus anos, uma boa coincidência, quando chegou à oficina da Megastore do Palácio, tinha lá um caixote com a sua nova Pelago Stavanger à espera.

Isto de gostar de bicicletas e ter uma loja de bicicletas tem muito que se lhe diga. Primeiro porque me passam muitas bicicletas pelas mãos; segundo porque temos o gosto de as analisar e perceber as suas características, as qualidades e por vezes os defeitos.

Cada bicicleta tem um dono, cada uma casará melhor ou pior com alguém e esta é uma das tarefas mais importantes a desempenhar na Velo Culture. Para alguém que passa a vida a tentar fazer este tipo de leituras, escolher uma bicicleta para si torna-se uma pesada tarefa de auto-análise. Se eu só tivesse uma bicicleta, seria esta com certeza.

Podes ler o resto aqui e, já agora, também aqui.

//

This year is being a very special one for our Man Without a Three Letters Name. He was already deserving a treat and, at his birthday, a box with a Pelago Stavenger arrived at the shop. It was his new ride.

“Loving bicycles as I do and owning a bike shop is a very complicated situation. Every day I handle many bicycles and like to understand their specs and know the highs and lows of each one of them.

Each bicycle as an owner. Each one will marry someone. Matching bikes with riders is one of the most important things I do at Velo Culture. That’s why choosing a bicycle for one self is not a ride in the park. If I could only own one bike, it would be this one”.

Etiquetas:, , , , , , , , ,

A Sandra, do Rio de Janeiro, consegui apanhar esta Peugeot nas nossas usadas espectaculares.

Estas mixte francesas são as mais procuradas nas nossas Megastores e normalmente ficam cá pouco tempo.

Podes conhecer outras oportunidades nesta página.//

//

This is Sandra, from Rio de Janeiro, and her new classic Peugeot. You can find more rides from our used and vintage stock here

Etiquetas:, , , , , , ,

Página seguinte »