Viana do Castelo, 2013. Fujica Compact 35

A “Sete Coisas” é uma rúbrica da nossa Gazeta do Ciclista, onde são feitas algumas recomendações de leituras relacionadas com o nosso mundo, incluindo as bicicletas (das analógicas), urbanismo, consumo sustentável ou cultura. No dia em que lançamos uma nova edição (de duas em duas semanas, se querem saber), começamos a publicar no blogue alguns dos conteúdos da edição anterior. Por isso, vale a pena subscrever para leres tudo com duas semanas de avanço.

Vamos então à primeira lista publicada em Julho de 2017.

  • Voltar onde já se foi feliz. O editor da Gazeta pegou na WeMove pela primeira vez no Manifesto e percebeu logo que era a revista que gostava de um dia ter feito. Uma boa forma de a conhecer é ler a micro-aventura do Jules >>
  • Nostalgia dos 90’s. Casquette publicou uma galeria inédita do London-Brighton de 1995. Se temos dificuldade em saber quando acaba o ciclismo clássico e começa o moderno, temos mais ainda em saber quando acaba o cicloturismo clássico e começa o moderno. This is England 1995 >>
  • Encore. Para a malta do Cycle Exif os 90’s vão reinar de novo. Por cá, nós prometemos olhar com melhores olhos os quadros com proporções deselegantes que entram na oficina (tubos grossos com caixas de direcção de uma polegada, uhh).  Vejam lá esta Cannondale >>
  • Mais árvores, menos asfalto. No Portugal ultra-automobilizado ainda há quem discuta a importância das árvores nos corredores centrais das estradas. Em lugares em que vias que dividiram bairros e arrasaram cidades perderam a sua utilidade, pensa-se na renaturalização e na devolução do espaço às pessoas. City Lab >>
  • Nativas. Não vai longe a edição da Gazeta em que falámos deste pessoal, mas com o emergir no espaço mediático de uma certa espécie negacionista a defender o eucaliptal e a relativizar a sua responsabilidade na grande tragédia anual, fica aqui uma vez mais a recomendação. Ide, ide apoiar esta boa gente. 100 mil árvores >>
  • Ter tempo. O que a falta do dormir (e o lixo que nos metem à frente dos olhos e nos tira tempo de cama) nos faz. The Inquiry >>. A propósito: “A Internet foi desenhada para interromper. É uma máquina afinada para dispersar a atenção”. Addicted to Distraction >>
  • A fechar. Confessamos não ter adorado a visita pouco esclarecida da Monocle ao nosso bairro (ouvir aqui >>), mas, para compor a semana, a vinda do Bourdain a Matosinhos resultou numa coisa muito bonita de se ver. António Pedrosa para o Parts Unknown >>

Podes ler a primeira edição de Julho da Gazeta do Ciclista aqui e subscrever a Gazeta na caixa aqui em baixo.

__________

Vamos lá então subscrever a Gazeta:

Email *



//

Sorry folks, only Portuguese this time. Meanwhile, we are preparing a new newsletter in English. More about this soon.

Etiquetas:, , ,