Gerês, 2014. Fujica Compact 35

A crer nos comentários que recebemos dos amigos e visitas nas Megastores e também nas estatísticas do Mailchimp, as “sete coisas” são uma aposta ganha.

Para enquadrar os mais distraídos, esta é uma rúbrica da nossa Gazeta do Ciclista (conhecer aqui e subscrever aqui), onde são feitas algumas recomendações de leituras relacionadas com o nosso mundo, incluindo as bicicletas (das analógicas), urbanismo, consumo sustentável ou cultura.

No dia em que lançamos uma nova edição (de duas em duas semanas, se querem saber), começamos a publicar aqui no blogue alguns dos conteúdos da edição anterior. Por isso, vale a pena subscrever para leres tudo com duas semanas de avanço.

Vamos então à lista publicada no início de Junho.

  • Why we choose steel bicycles. Se tivessemos arte e engenho para escrever um pedaço de texto perfeito sobre o nosso material de eleição, teria sido o segundo parágrafo deste artigo. Clap. Clap. Clap. Bicycle Quarterly >>
  • A propósito. No Pelotão do Arrasto (ici >>), antes de chegar o plástico, chegámos a ter muitos pastiches, quadros clássicos de aço com peças mais recentes. Mas nada com a categoria deste quadro De Rosa de 78 com um grupo Campi NOS dos 90s. Apetece-nos chorar >>
  • Tour de Pharmacy. Por um acaso feliz, os Stooges gritavam “I wanna be your dog” no separador ao lado quando o trailer do filme passou pela primeira vez no ecrã da redacção da Gazeta. “How do you beat a man on drugs if your are not on drugs? Wait a minute… >>
  • Carlton Reid. Há um ano atrás encontrámos o livro “Homes, Towns and Countryside” na feira de velharias de Matosinhos (quarto domingo de cada mês). Editado no entreguerras, é um manual que evidencia o papel da bicicleta nas cidades britânicas e nos movimentos pendulares para os seus subúrbios. Hoje, o Carlton Reid quer resgatar as vias antigas, agora mais relevantes que nunca>> 
  • 34 Mil discos. Se gostas de bicicletas das analógicas e de música, então és um dos nossos. É por isso que vais dar pinchinhos de entusiasmo e gritar baixinho “ihhh, ihhh, ihhh” quando leres esta notícia >>
  • Gira Discos Clássicos. Se voltaste aqui depois de ler a notícia que partilhámos em cima (e já estás mais calmo), talvez te interesse saber que há uma espécie de mini Velo Culture dedicada ao Hi-Fi. É esta >>
  • Raw Beauty. A Dörte Lange está de prego a fundo nisto do consumo inteligente. Numa das últimas entradas no seu Lissome, dá conta de uma nova série de seis textos dedicados aos princípios do “clean and healthy beauty” e que são o resultado de uma colaboração com a Khandiz Joni. Raw Beauty>>

Para ter acesso a tudo o que já foi publicado no blogue, podem seguir este marcador aqui.
__________

Vamos lá então subscrever a Gazeta:

Email *



//

Sorry folks, only Portuguese this time. Meanwhile, we are preparing a new newsletter in English. More about this soon.

Etiquetas:, , ,

Quem é subscritor da Gazeta do Ciclista (conhecer aqui e subscrever aqui) já reparou que no seu novo formato temos feito algumas recomendações de leituras relacionadas com o nosso mundo, incluindo as bicicletas (das analógicas), urbanismo, consumo sustentável ou cultura.

Para além do acesso ao conteúdo exclusivo da newsletter, receber estas recomendações antecipadamente é um privilégio dos subscritores da Gazeta. Brevemente vamos começar a publicar ofertas também elas exclusivas, por isso vale mesmo a pena preencher o formulário no fundo da página. Para além do bom conteúdo aqui dos vossos duendes, também podem vir a ganhar coisas.

Voltando às “Sete Coisas”, no dia em que sai uma edição nova da Gazeta, vamos começar publicar as recomendações da edição anterior. Como hoje é dia 1 de Junho e saiu uma Gazeta fresquinha logo às sete da matina, aqui estão as recomendações do último número de Maio.

__________

SETE COISAS APANHADAS NA REDE: Uma lista de sete coisas que nos chamaram a atenção nestas últimas semanas.

  • Family Business. Nem só de biclas vive o nosso mundo. Entre os duendes da Velo Culture há pais recentes e outros quase quase a o serem. Esta sugestão faz por isso mais sentido que nunca. O postal dos nossos amigos do Manifesto a destacar o livro que a Patagónia dedicou aos princípios do seu centro de desenvolvimento infantil no local de trabalho é, por isto mesmo, uma entrada obrigatória nesta lista. Ver no blogue deles >>
  • Um Rio foi Vencido. Não devia ser necessário esperar pelos 4:25 deste video para se saber que a bicicleta já foi uma coisa muito mais natural no Porto do que é actualmente. RTP Memória >>
  • Escadas rolantes e elevadores. Também a propósito da ciclabilidade da cidade, a CMP voltou a falar dos meios mecânicos para vencer as cotas. Parece que ainda podemos ter esperança de um dia isto ir para a frente. Para conheceres a ideia, podes ir até aqui >>
  • Bespoked 2017. Infelizmente, este ano falhámos a romaria à Bespoked. Para nosso consolo, não falhámos a SPIN London uns dias mais tarde e temos agora o Senhor de Matosinhos, que está a entrar em força. A BoneShaker esteve em Bristol e deixou-nos de rastos, a chorar por 2018. Ler aqui >>
  • 100.000 Árvores. Um dos melhores projectos ambientais no país não tem nada a ver com bicicletas. Numa das últimas folgas, o editor da Gazeta chegou a ter vontade de mandar tudo isto às urtigas e ir acabar os seus dias a plantar florestas com esta malta. Obrigatório ver >>
  • Itaú | Vice CICLOS. Histórias vindas do Brasil sobre a transformação individual e urbana em duas rodas. Aqui está o site, mas podes saltar logo para o filme completo>> 
  • R.I.P. Mike Hall. Um dos organizadores da Transcontinental e lenda do ciclismo de endurance deixou-nos depois de um acidente trágico que marcou profundamente a comunidade randonneur. Pois é, continuam a acontecer e não poupam ninguém. Radavist >>

__________

Vamos lá então subscrever a Gazeta:

Email *



//

Sorry folks, only Portuguese this time. Meanwhile, we are preparing a new newsletter in English. More about this soon.

Etiquetas:, , ,